Facebook - o futuro
Se essa imagem for sua, me avise para eu dar os créditos
Em quanto no último post eu falei sobre a parte administrativa das redes sociais, métricas e monitoramento, hoje vou fazer um questionamento: é possível viver sem Facebook? Tenho amigos na faculdade de Jornalismo que não usam por não gostarem, outros dizem que só usam porque lá tem a maior parte das oportunidades na área da comunicação e a partir dessa afirmativa eu reformulo minha pergunta: é possível ver e ser visto sem usar o Facebook? A resposta é não. Se você quer que sua marca seja conhecida, precisará estar no Facebook. Contudo não basta apenas estar nessa rede social, precisa saber usa-la da melhor maneira e é sobre isso que vou falar.
É preciso manter a freqüência dos posts uma vez que o algoritmo do Facebook beneficia, em termos de visualizações, as páginas que estão atualizadas, além de, quando possível, variar os formatos de conteúdo para não enjoar quem acompanha sua página. 
Você quer reter as pessoas, não quer? Então tenha em mente o contexto social e de compartilhamento dos usuários da rede. Marque outras páginas e/ou pessoas para que aumente o alcance, sabe quando alguém é marcado em uma foto e essa foto aparece na sua timeline? Isso. 
Saiba tirar proveitos dos assuntos quentes do momento, tenha timing. Não adianta nada eu postar sobre a tragédia do avião da Chapecoense que aconteceu em Novembro agora. Não faz sentido porque ninguém vai querer ver sobre esse assunto. É muito mais in falar sobre os novos episódios de Orange Is The New Black agora do que House Of Cards ou 13 Reasons Why. Timing é tudo. É quase uma divulgação gratuita.
Na hora de promover sua página tente, com seu público em mente, refinar ao máximo o público que você quer atingir. A que o Facebook faz é boa, mas quando refinado mais que dobra as visualizações através da página.

Este é o último post da série de cinco posts abordando mídias sociais embasado no que eu aprendi no meu curso na Casper Líbero, mas não se preocupem: terá mais, é só esperar um pouquinho :) 

Qualquer dúvida é só perguntar, 
Beijos
S.S Sarfati

Deixe um comentário