Nada te faz sentir mais jornalista do que um bloquinho

É oficial: eu estou no curso certo. Não é como se eu não me imaginasse fazendo outro curso, mas não acho que outro curso combine tanto comigo quanto Jornalismo. 
Sobre o curso de Jornalismo é bem importante relembrar que você não vai chegar tendo matérias como Televisão e Rádio no primeiro semestre, você precisa ter um bom embasamento teórico e por isso as matérias práticas são mais no final do curso. Vi muita gente chegando no curso achando que ia logo para o estúdio de televisão e agora estão entediadas com o curso. Não sejam essas pessoas.
É um curso que demanda muito de você. Embora as aulas sejam descontraídas e leves, você precisa se dedicar muito fora da sala de aula. São MUITOS livros para serem lidos, há bastante produção textual e trabalhos a serem feitos que se não forem feitos com antecedência vão te deixar louco na véspera. É preciso de muita organização. O esteriótipo de jornalista estressado tomando café é muito mais bonito na teoria do que na prática. 
Jornalismo é um curso que envolve comunicação. Embora isso pareça redundância uma vez que jornalismo é da área de comunicação, é algo que precisa ser deixado bem claro. Você vai precisar interagir bastante com os colegas de classe e participar das discussões. Como futuro profissional da comunicação é importante que o aluno de jornalismo (carinhosamente chamado de foca - por ser deslumbrado) esteja preparado para comunicar e interagir com muitas pessoas diferentes, mesmo aquelas que você não gosta e a faculdade é um grande treino para a vida real. Em época de trabalho eventualmente você vai passar resposta para pessoas que você não gosta, mas é importante manter a camaradagem entre os seus colegas. É um curso em que você desconstrói muitos preconceitos. Eu nunca me considerei uma pessoa preconceituosa, mas tive preconceito desconstruído neste um mês de curso. É importante ter um grupo o qual você se identifica, vocês vão se ajudar bastante, além de deixar o clima mais leve e algumas aulas menos chatas. Eu estou bem feliz com o grupo que fiz , são pessoas muito legais que têm tudo haver comigo (inclusive, um beijo para você que faz faculdade comigo e está lendo este texto).  
Não adianta chegar no primeiro semestre de Jornalismo e dizer que não gosta de ler e/ou escrever porque você vai sofrer: ou você aprende a gostar ou troca de curso. Simplesmente não há como estudar Jornalismo sem essas duas características/aptidão. Muita gente quer ser jornalista esportivo e por isso acha que não precisa "manjar" de outros temas, puro engano! Jornalista precisa "manjar" de tudo um pouco. A função do jornalista é uma função, antes de tudo, social e é importante que isso seja entendido. Antes de satisfazer o ego, o profissional do jornalismo precisa satisfazer a sede por informações que a população têm. Vale ressaltar que um bom português é fundamental.

Beijos
S.S Sarfati

PS: Eu tenho postado muita coisa do curso no meu Instagram Snapchat (somione10) então se você tem alguma curiosidade em relação ao curso é só acompanhar as minhas redes sociais e ver um pouquinho do dia-a-dia da estudante de comunicação que eu sou. E qualquer dúvida é só perguntar em qualquer uma das minhas redes sociais ou aqui (inclusive estou pensando em fazer uma série de posts sobre o curso, minha faculdade e etc), adoro falar sobre isso!

Deixe um comentário